segunda-feira, 27 de abril de 2015

Detalhes que Amo










Suco de acerola e pizza feita em casa,
para massa usei pão sírio.

Listras para mim e listras para ela,
tal mãe, tal filha rs...










Nossos momentos de chamego e
receber mimos do homem da casa
(amamos ele).

Obrigada por visitar o blog.
Té mais!

quinta-feira, 16 de abril de 2015

40 Semanas


















Eu não sou de tudo corajosa mesmo. A vida me chama e eu vou vivendo desconfiada, só Deus sabe o quanto preciso dele quando o assunto é a tal da expectativa, e de repente me vi à espera do momento mais especial da minha vida. Várias vezes quis postar sobre o assunto aqui no blog, mas com o fim da gestação chegando e os últimos preparativos para a chegada da nossa filha (ehee... É menina) a ansiedade aumentava toda vez que eu escrevia sobre o assunto. 
É normal ficar ansiosa, mas temia exagerar na dose porque estava indo tudo tão bem e eu não queria perder o sossego justo quando estava prestes a dar à luz. B e eu somos casados há um bom tempo, planejamos não ter filhos logo nos primeiros anos de casados e isso fez com que ouvíssemos alguns comentários desnecessários (tem tanta gente sem noção por aí).
Então, em 2014 quando ficamos mais tranquilos com a ideia de nos tornarmos pais, fomos surpreendidos, a verdade é que eu não sentia que estava pronta para ser mãe ou que minha vida ainda precisava de alguns ajustes rs... às vezes a gente quer um cenário certinho demais, mas comecei os exames de rotina e comentei com a ginecologista que queria engravidar, só não imaginava que antes mesmo de retornar ao consultório já estaria grávida. Foi uma linda surpresa (obrigada Deus!)
E aí começou a aventura das 40 semanas... Não tenho o que reclamar, foi uma gestação tranquila (pedi a Deus e ele me ouviu) engordei pouco, não enjoei horrores rs... e praticamente não inchei, ouvi tantas histórias que algumas vezes ficava assustada, mas graças a Deus foi uma bênção. Quanto ao parto, também foi lindo e eu estou me recuperando muito bem, março agora ficou mais bonito (Deus seja Louvado!).
Carregar um bem tão precioso assim, uma vida tão amada pode até assustar um pouco, mas o amor é tão forte e o querer é tanto que as mudanças no corpo e na rotina se tornam meros detalhes, ela fez isso em mim. O amor de mãe é lindo mesmo, faz nascer a força  e também a paciência, 9 meses não são 9 dias.